quarta-feira, 27 de junho de 2012

Botelho

Você me decifra na distância
E me alimenta com esta falsa esperança
Eu sou só um sonho que você sonhou
A dura realidade de quem um dia acordou

Assim com este seu silêncio me assusta
Ao longe tenta entender a minha conduta
Sou a sua poesia que não rima
O nosso amor que a saudade é íntima

Mas de que adianta tantas palavras
se você sempre acredita que eu vou exagerá
Neste meu ensejo maluco
Que é nesta distancia te amar...


                                                                                                                 Saulo Prado

3 comentários:

Natália Campos disse...

Que bonito.

Bruna Araújo disse...

Adorei o blog, muito lindo, amei tudo. Parabéns mesmo, vou sempre estar aqui :)

ontendency.blogspot.com

Mariana disse...

Palavras que resumem tão bem sentimentos que, não raros os momentos são difíceis de entender.

Parabéns pela simplicidade
e riqueza de sensibilidade.

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

Me leve com você...

Create your own banner at mybannermaker.com!
Copy this code to your website to display this banner!

ME ENCONTRE TAMBÉM NO TWITTER! Basta um clik