sexta-feira, 1 de fevereiro de 2013

Rotina

O telefone toca
E é zero oitocentos
A vida vai e volta
Enquanto surfamos em seus tormentos
Nada pode me impedir
De tentar outra vez
Eu um dia quase desisti
Mas é uma coisa de cada vez
Quando não existe nada para seguir
Tudo é só uma dança do acaso
Tá certo que eu às vezes me atraso
Neste nosso louco itinerário
Mas já que é para ser assim
Não existem motivos; para ter pressa do fim...





Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

Me leve com você...

Create your own banner at mybannermaker.com!
Copy this code to your website to display this banner!

ME ENCONTRE TAMBÉM NO TWITTER! Basta um clik