sábado, 27 de outubro de 2012

Versos da saudade

No escuro desta noite
sem seu colo a solidão é açoite
junto do sono que não chega
a felicidade foi só passageira

Sinto falta do seu corpo
inundando a minha cama
esta é a saudade,
de um homem quando ama

Quero dormir, mas não consigo
a tristeza é meu abrigo
e assim mais uma vez, choro por ti
o grande amor da minha vida,
que um dia deixei parti....

  Saulo Prado

2 comentários:

Maria Bonfá disse...

que lindo..quantos amores que deixamos partir e a solidão reclama por aquele corpo.. parabéns poeta..saudade de te ler..beijo

R. Vieira disse...

Amores, amores, amores... Bom lembrá-los, bom vivê-los, Ruim de mais perdê-los...

Como escreves bem!!!
=)

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

Me leve com você...

Create your own banner at mybannermaker.com!
Copy this code to your website to display this banner!

ME ENCONTRE TAMBÉM NO TWITTER! Basta um clik