quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

Insensato Coração

Uso  toda  minha  insensatez
Para ir atrás de você outra vez
Meu  coração  não  tem  orgulho
E  em  seu  precipício  eu  mergulho

Eu vou em busca do que sobrou de mim
Como se houvesse  começo depois do fim
Acreditando que em você exista sentimentos
Mais uma vez eu voarei contra o tempo e o vento

E o que mais me dói é saber que de nada isto adianta
Porque você já se cansou de matar a minha esperança
Para você tudo ficou para trás faz parte do seu passado
Um tempo em que se encantou por este cara apaixonado...

Saulo Prado

3 comentários:

Kris com K disse...

ai tomara que seja um delírio Saulo, pois o meu orgulho é bem maior que qlq paixão... já me arrastei...não obtive êxito ...sofro mas com dignidade...rsrs... Mas amei seu texto... em épocas de arrastar eu o copiaria...rs...bjos vc escreve muito bem

Maria Amelia disse...

olá passei aqui pra desejar uma boa tarde e tbm dizer que este seu poema é lindo bjos.

Sandra Botelho disse...

belo poema. Bjos achocolatados

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

Me leve com você...

Create your own banner at mybannermaker.com!
Copy this code to your website to display this banner!

ME ENCONTRE TAMBÉM NO TWITTER! Basta um clik