terça-feira, 14 de abril de 2009

Mito Tupi


Negros olhos azuis
Sua pequena luz me conduz
E encaminha-me ao doce sabor
Do seu paladar, veneno salubre
Em poucas doses, para celebrar

Nos confins de tua nuca
Meus lábios começam a velar
Suspiros e gemidos simetricamente
Orquestrados, só para me atiçar

Suas mãos sujas; fazem-me sentir
A delicadeza do perigo
Que é, de me entregar; só para ti!
Linda Medusa dona deste
Mero Poseidon, desta plaga tupiniquim....






Saulo Prado

2 comentários:

Marcella Castro disse...

Muito bom, gostoso de se ler!
Beijos!

...EU VOU GRITAR PRA TODO MUNDO OUVIR... disse...

Poeta Saulo!!!

Poema elaborado e pleno de magia!!!

Parabéns!!Beijos!

Sonia Regina.

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

Me leve com você...

Create your own banner at mybannermaker.com!
Copy this code to your website to display this banner!

ME ENCONTRE TAMBÉM NO TWITTER! Basta um clik