quinta-feira, 23 de maio de 2013

Mutante



Não quero seguir pelo caminho seguro
O sorriso é mais gostos depois do apuro
Eu continuo aqui aprendendo a ser louco
Enquanto você se esforça para fazer como os outros

Na vida eu não quero ser só o herói
O excesso de bondade às vezes também destrói
Por isto antes de querer me julgar
Caminhe o seu caminho, e veja onde você vai chegar

Eu acredito muito no sensato poder da liberdade
E sei que às vezes é necessário o veneno da responsabilidade
E é por isso que eu sigo assim; às vezes me destruindo
Para depois juntar os cacos, e mais uma vez; caminhar me reconstruindo...

 

Um comentário:

Lucas M. disse...

bonito belo poema

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails