quarta-feira, 31 de março de 2010

Perguntas


Quantos erros eu já cometi?
Quantas mentiras eu te menti?
Quanto dói o meu o coração?
Quanto agüento esta solidão?

São respostas que só cabem a você
A minha parte foi te perder
Fui vitima de minha displicência
Agora só me cabe agüentar as conseqüências

Eu sei que o tempo é o único remédio
Enquanto isso eu morro de tédio
Minha vida é nada sem você
E o meu castigo é ter que sofrer...

7 comentários:

Sandra Botelho disse...

Errou por me mandar partir.
Mentiu que viveria por mim...
seu coração, dói menos que o meu
Logo encontrará um amor que seja seu!

Nem Todas posso responder,
Não sei porque quis me perder.
Foi vitima da desconfiança.
De um amor que só fez de querer!

O tempo cura todas as feridas,
E o tédio um dia vai-se embora.
O melhor é saber viver...
O que a vida nos deu agora.

Melhor esquecer o passado.
Palavras feridas, magoas, e dor.
Esquecer o mal que aconteceu,
E viver um amor que ainda não morreu.

Você me inspira poeta.
Com seus lindos versos eu continuo a escrita.
Obrigado pela inspiração.
Bjos achocolatados no coração!

1manview disse...

Somos punidos por nossos enganosos caminhos
com a solidão ea solidão ...

Lari disse...

Um dia a gente colhe um fruto bom para compensar todos os outros frutos que estragamos ou desperdiçamos.
Um dia, a gente ganha uma recompensa por tanto sofrimento... Só é preciso enxergar!

continuando assim... disse...

Depois duma ausência...de alguns dias , cá está um novo capítulo da história de Alice.

Faltam dois...para um final duma história interminável , uma história de esperança, uma história sem fim ... :)


mais à frente, lá para o último capítulo, estou com vontade de vos lançar um desafio .

boa Páscoa

bjs
Teresa

Elaine Barnes disse...

É isso.Tudo tem um preço,porém, como a Pascoa está aí desejo um Feliz Renascimento,que Deus abençõe sempre seu dom e tire você de qualquer sofrimento,pois um poeta não pode alimentar o amor com a dor,ninguém pode.O amor vive e renasce a cada dia que o sol nasce e precisa de luz para desabrochar e crescer,na dor ele não sobrevive,entristece e morre. Montão de bjs e abraços aproveitando para agradecer o carinho,a confiança e a amizade que a mim sempre dispensou. Obrigada pelos elogios e incentivos à mim muito importantes. Valeu amigo!

Abraão Vitoriano disse...

saulo,
que poesia boa e bonita!

abraços,
e muito obrigado por estes momentos de luz...

feliz páscoa!

do homem-menino

Jou Jou Balangandã disse...

A vida é assim ... tudo passa, nada volta, por isso temos que aproveitar cada segundo e medir cada atitude.

Bjous

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

Me leve com você...

Create your own banner at mybannermaker.com!
Copy this code to your website to display this banner!

ME ENCONTRE TAMBÉM NO TWITTER! Basta um clik