quinta-feira, 22 de outubro de 2009

Crepúsculo de uma paixão



Olho em seus olhos, em busca de mim
E o que encontro, é um vazio sem fim
Busco em sua voz, resquícios de uma paixão
E nela só ouço, presságio de uma grande solidão

Eu sei que chegou à hora, de dizermos adeus
Mas meu coração chora, pelo amor que se perdeu
Mas tudo bem, a vida é mesmo assim
Tudo que começa, um dia tem que ter fim

Amanha! Quando eu estiver indo embora
Bem cedo, antes da aurora
Irei de mansinho, para não te acorda
Pois, seria muito triste, ver você me ver chorar...


Saulo Prado

18 comentários:

♥ Driii ♥ disse...

Amor de verdade não acaba não, Saulo....


;-)


Beijocas....

Elaine Barnes disse...

Adorei seu comentário lá no "vestida de chuva" Muito bom receber tanto carinho.
"Olho em seus olhos, em busca de mim

E o que encontro, é um vazio sem fim"
Aí tá o problema, quando olhamos nos olhos de "alguém" E vemos um vazio sem fim, é porque não estamos lá. Por isso o vazio tão doloroso né?! Lindo amigo, vc é demais! Bjão de chuva pra lavar a alma tá! rs..

' Joseαne Costα* disse...

' Q post Saulo, vc arrasa viu^^
Passando pra deixar meu carinho^^
bjoo's no ♥

=]*

Sandra Botelho disse...

Um grande amor,nunca termina.
Independe do tempo, da distancia ou de qualquer outro obstáculo.
O amor nunca se dá por vencido, a não ser que não seja verdadeiro.
Bjos poeta.

Débora Camargos disse...

"eu sei que chegou a hora de dizer adeus"...
Só quem viveu esse momento é capaz de definir o sentimento da perda.
Só quem viveu! Ninguém mais!
Maravilhoso seu poema!
Só espero e desejo que não seja o que você está passando no momento.
Ninguém merece isso!

Carol Mioni disse...

O amor não acaba, a relação sim... E tem vezes que fica ão difícil que dá vontade de seguir esse roteiro. Ir embora de manhã, sem barulho, só com as lágrimas no rosto...

Cris Animal disse...

Como vc mesmo disse: tudo tem um recomeço.
Vivemos recomeçando!
O amanhecer é a oportunidade de novos caminhos.
Que vc encontre-o no melhor de toda a sua trajetória!

beijo

Sandra Botelho disse...

Tem um selinho no meu blog prá vc.
Vai pegar vai...

Dayane Mendes disse...

As vezes a perda não é tão ruim quanto pareçe ser, nossa visão é limitada, nao enxergamos como Deus o quebra cabeça lá de cima. Resta a nós transformar a perda em algo agregável gerando assim frutos de experiência.
Saulo, adorei seus poemas. Parabens.
Vc tem mto talento.

Moranguinhu disse...

Nossa q lindo querido...Beijos!

Cristina e Márcia disse...

"...que seja infinito enquanto dure."
Lindo poema, Saulo.
Obrigada por nos seguir. Vamos dar uma olhada melhor no site do "Meu mundo Quadrado", ok? Parece interessante...
Marcia

Thaisa Schelles disse...

Lindo o texto..."Pois, seria muito triste, ver você me ver chorar..." quando amamos o outro sempre vem acima de tudo.

to te seguindo!

Jacke disse...

" Eu sei que chegou a hora de dizermos adeus
Mas meu coração chora pelo amor que se perdeu..."
Isso doi muito!!!
Que momento cruel!!!
Muito bonito Saulo.
Abraço

Erica Maria disse...

OLá...estou linkada com meu outro blog, mas vim agradecer a visita e te parabenizar pelo lindo blog!

Estou te seguindo.

Voltarei sempre viu?

Bjos

£arissa Alves disse...

Gotei mto mto do texto '
beijinhos ;*
to te seguindo , seu blog é esplendidamente lindo .

passa no meu e me segue ?^
brilhodementa.blogspot.com

Cleo disse...

Que seja só um poema, o amor nunca tem fim.
Lindo poema.
Beijos e bom fim de semana.
Cleo

Luísa disse...

Mesmo triste pelo adeus, este poema é belo!
Beijinho terno

im disse...

Bonito poema...bonita procura, mas nunca resulta, temos de nos procurar no sitio mais dificil de todos...em nós mesmos!

Beijos

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

Me leve com você...

Create your own banner at mybannermaker.com!
Copy this code to your website to display this banner!

ME ENCONTRE TAMBÉM NO TWITTER! Basta um clik