terça-feira, 24 de fevereiro de 2009

Narciso

Escrevo o que já foi escrito

para os outros, ler

em outra versão

mas só escrevo o que cavalga

com o meu coração


Gosto de poemas de amor

geralmente os sem pudor

pois, tudo que escrevo tem

um pedaço de mim

mesclado e mastigado.

É entregue assim!


Sem nexo, conceitos

ou regras, trago

nas letras o encanto da tela

um pedaço de mim

pintado em aquarela...


Saulo Prado

7 comentários:

Betânia Uchôa e seu universo in versos disse...

Olá poeta do mundo quadrado...nome irreverente para uma mente cantivante. Gostei do seu habitat.
Suas poesias tem leveza, lirismo, amor...gotas de sedução.

Beijos!

Viviane disse...

Simples e completo. Em poucas palavras disse muito. Pensando em você, navega em pensar nos outros. Adorei. Venho ler essas palavras para esquecer que existe um mundo injusto aqui fora. Beijos.

Alexandre disse...

Agradeço a sua visita poeta. E vou adicionar você aqui na minha listinha.
Abração !

Lurdiana Nunes disse...

Obrigada pela visita!

VOu acompanhar aqui tbm.
Gostei daqui!
abraçoos

margusta disse...

Tudo o que escrevemos, tem sempre um pedaço de nós...de momentos...das pinceladas que vamos dando na tela da vida.

Um beijo!

ALGUÉM disse...

Parabéns pela poesia.
ah! Tem capítulo novo!
Um super abraço.
E ótima semana.

...EU VOU GRITAR PRA TODO MUNDO OUVIR... disse...

O encanto dos poemas é esse.Fala-se dos mesmos assuntos de acordo com o coração de cada um, e de acordo com os estilos próprios!!!

Belo poema!!!

Um beijo!Sonia Regina.

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

Me leve com você...

Create your own banner at mybannermaker.com!
Copy this code to your website to display this banner!

ME ENCONTRE TAMBÉM NO TWITTER! Basta um clik