segunda-feira, 21 de setembro de 2009

Nossa mordida

Eu fui seu cúmplice no pecado

E me deixei queimar ao seu lado

Neste desejo quase ofegante

De marido passei a ser amante


Soltei as rédeas da razão

Dei voz aos gritos do meu coração

Segui contigo o caminho do perigo

E nosso pecado se fez amigo


Mordemos juntos, esta maçã

Agora o que queremos, é só uma manhã

Em que o sol nasça para nos dois

Deixando os nossos traumas para depois...

Saulo Prado


21 comentários:

Kika disse...

Lindo texto.
E verdadeiro pra mtas pessoas.

Kika disse...

Lindo texto.
E verdadeiro pra mtas pessoas.

angela disse...

Espero que tenham sua manhã.
beijos

Vivian disse...

...tão bom quando mordemos
a maçã e dela sentimos
escorrer o sumo do prazer...

beijo, poeta!

Carol Mioni disse...

Pecado, "a" fruta, cumplicidade... fórmula boa demais!
Poema bom demais!
Como sempre...

Retalhos de Amor disse...

"Soltei as rédeas da razão
Dei voz aos gritos do meu coração"

E se o coração fala
Tudo o mais é menor!!!

Tua Poesia me encanta
E compõe acordes da vida!

Beijos, Amigo Saulo...
No teu coração, PoetAmigo!!!
Iza

Jacke disse...

Lindo!
Verdade de muitas pessoas.
Abraço

Sandra Botelho disse...

O amor verdadeiro nunca é um pecado...Lindo poema Saulo
bjos!

...EU VOU GRITAR PRA TODO MUNDO OUVIR... disse...

Meu Poeta!

Esta mordida é tudo que um casal apaixonado deseja!!!

Seu poema exala reencontro e felicidade!!!

Um beijo!

Sonia Regina.

Elzenir disse...

Olá, Saulo, poeta sim...da simplicidade e realidade...A aventura amorosa é a mais bela de todas as aventuras, pois justifica-se pura e simplesmente pelo ato de amar sem medidas...bjs

Ahmet Alper disse...

I writing Turkish.

Merhaba Saulo Prado

Şiirinizi Google Çeviri ile çevirip okumaya çalışacağım.Aslında şiir kendi dilinde okunmalı ama sizin dilinizi anlamıyorum.

Bende şairim.Bende kendi blogumda şiirlerimi yayınlıyorum.Brezilya'dan sizinle muhabbet kurmak sevindirici.

Muhabbetimizin devamı dileğiyle iyi günler...

Ahmet Alper

Vane Aguiar disse...

Incrível...seus textos são sempre muito bem escritos. Como um escultor do mundo e dos Dilemas em palavras...

Isso é um dom muito precioso...
Que Deus te ilumine sempre...

Abraços

http://cabiveiseincabiveis.blogspot.com/

Cris Animal disse...

Oi meu Amigo!
será que entendi?
Deixa a vida levar...às vezes, devemos ser um barquinho a dervida desse destino desconhecido!

Que venha o melhor!

beijos

Bruna Nunes disse...

bonito texto.

Chris disse...

Seguir o caminho do perigo...
Um abraço
Chris

Nathy disse...

Cada poesia linda...

Lídia Borges disse...

Muito bonito!

Quantas vezes a razão não tem razão nenhuma...


Um beijo

Ludmilla disse...

Se um dia eu me casar, não quero ser esposa, quero ser amante.

neide disse...

Saulo, apesar de ler seu lindo poema e gostado do seu cantinho, gostei muito do seu comentário sobre as "Amélias" no blog da Soninha... quando teremos todos os homens com sua visão sobre a verdadeira mulher, dona de casa e esposa? Espero que muito em breve.

Estou te seguindo.

Um belo final de semana.

Bjss

M!riam disse...

Oi, Saulo! Obrigada pela visita no meu blog!

Adorei teu mundo quadrado! Gosto muito de poesias e achei as tuas lindas...

parabéns! Tô te seguindo...

Gorete . SoLua disse...

Intenso. Amou.Esqueceu da razão. Foi verdadeiro...
:) doces beijos

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

Me leve com você...

Create your own banner at mybannermaker.com!
Copy this code to your website to display this banner!

ME ENCONTRE TAMBÉM NO TWITTER! Basta um clik