sábado, 31 de outubro de 2009

Desencontro




Não sinto mais o que sentia
E o amor virou covardia
Não tenho coragem de te falar
Mas o que eu sentia, acabou de acabar

Você não foi a culpada
De termos desviado de estrada
Foi meu amor que se perdeu
E quando voltou não mais te reconheceu

Hoje deixo de ser seu amante
E a vida voltara a ser como antes
Regada pela solidão
E pela tristeza da decepção...


Saulo Prado

quinta-feira, 29 de outubro de 2009

Querer





Toda duvida que tenho
Não cabe em um amor pequeno
Quero mais do que um bem querer
Alguém que saiba me entender

Sou complicado em minha simplicidade
E quero da vida um grande amor de verdade
Não abro mão de minha curta liberdade
E o que me consome é a saudade

Sei que não mereço minha ilusão
A angustia de esperar esta paixão
Mas sou filho do romance
E não me contento com qualquer lance...



Saulo Prado

terça-feira, 27 de outubro de 2009

Doce aventura



Com o jeans rasgado
Quero viver ao seu lado
Mochila nas costa
E uma passagem para Europa


Quero ser errante
Em nossa vida de amante
Viver sem apego
Uma vida sem sossego


E quando cansarmos
De sermos diferentes
Outra vez seguiremos
em frente ...


Saulo Prado

domingo, 25 de outubro de 2009

Desilusão




Ela me ensinou minha primeira lição
E domou o meu coração
Abusou de minha inocência
E me conquistou usando a carência

Ela era menina e se fez mulher
Provando que pode tudo que quer
Cigana em todos seus sentimentos
Deu-me amor e desilusão no mesmo momento

Ela chegou e se foi quando quis
Deixando uma grande cicatriz
Marcas de meu primeiro amor
Dor que nunca me abandonou...


Saulo Prado

quinta-feira, 22 de outubro de 2009

Crepúsculo de uma paixão



Olho em seus olhos, em busca de mim
E o que encontro, é um vazio sem fim
Busco em sua voz, resquícios de uma paixão
E nela só ouço, presságio de uma grande solidão

Eu sei que chegou à hora, de dizermos adeus
Mas meu coração chora, pelo amor que se perdeu
Mas tudo bem, a vida é mesmo assim
Tudo que começa, um dia tem que ter fim

Amanha! Quando eu estiver indo embora
Bem cedo, antes da aurora
Irei de mansinho, para não te acorda
Pois, seria muito triste, ver você me ver chorar...


Saulo Prado

segunda-feira, 19 de outubro de 2009

FICAR


Sedução o libido da paixão
Coração o oposto da razão
Homens e mulheres se flertando
E o destino fazendo novos planos

Todos os sentimentos se misturam
E o desejo se transforma em aventura
Sexo em uma sórdida orgia de emoções
Quando corpos se atraem por gestos e expressões

A noite sempre se transforma em fogo
Para quem se entrega a este jogo
Camas para saciar um duplo tesão
E no outro dia o que sobra, é uma fria solidão...


Saulo Prado

sábado, 17 de outubro de 2009

A Busca



Estou em busca de uma louca paixão
Que me conduza a uma nova emoção
Sensações quase sempre latentes
Que dominam este homem carente

Versos soltos, jogados em vão
Buscam na alma alguma razão
Para amores que vivem guardados
E ditam à vida deste homem apaixonado

Em cada momento de minha busca
Alimento-me de uma doce angustia
Sentimento que muitas vezes agride
Mas que um dia me trará quem acredite

Em um amor que seja lindo e eterno
E que colha da vida, o que à de mais belo
Provando-me que valeu a pena
Esperar por minha alma gêmea...


Saulo Prado

sexta-feira, 16 de outubro de 2009

Subscrito



Eu namoro com ninguém
Mas mesmo assim me sinto bem
Uma solidão aconchegante
Faz da vida minha amante

Troco caricias com as palavras
E faço da poesia minha namorada
Sexo sem perversão
Em letras escritas com paixão

Rimas que me beija a boca
Com gosto de vida louca
Assim sigo, declamando feliz
O meu desejo de aprendiz...
Saulo Prado

quarta-feira, 14 de outubro de 2009

Aprendiz de Poeta



Eu queria saber fazer poesias
E transformar a vida em magia
Cuspir todos meus sentimentos
Em versos moldados pelo tempo

Queria não ter responsabilidade com a verdade
Inventando novos amores de puberdade
Iria exagerar em todas as minhas emoções
Só para poder causar, algumas sensações

E quando no fim se alguém me perguntasse
Se a vida realmente valeu a pena
Eu teria o maior prazer em responder
Minha vida foi uma grande poesia pequena...

Saulo Prado



segunda-feira, 12 de outubro de 2009

Sobras


Trituro todos meus sentimentos em palavras
E faço dos versos minha louca morada
Meu refugio quase sempre constante
Da solidão, minha única amante

Aqui crio novos amores
E também grandes dissabores
O amor não é uma fabula fiel
E sim o caminho mais próximo
entre o inferno e o céu

Neste meu mundo de versos
Consigo viver com os restos
Resquícios de antigas paixões
Que hoje moldam meu mundo de ilusões


Saulo Prado

domingo, 11 de outubro de 2009

Meu erro


Eu fiz do meu amor meu maior veneno
E hoje me sinto um homem pequeno
Não conseguir dominar minhas emoções
E te perdi no descuido de minhas ações

Mais uma vez abraço a solidão
E junto dela as dores do meu coração
Até quando persistirei no erro
De achar que posso me entregar por inteiro

Hoje eu sei que não tenho o direito de amar
Pois estou condenado a sempre esperar
Uma mulher que me aceite como sou
Um homem devoto do amor sem pudor


Saulo Prado
Pu.dor)  [ô] sm.  1  Psi.  Reação emocional pela qual uma pessoa tende a proteger sua intimidade e a sentir vergonha do que possa invadi-la ou comprometê-la; PEJO; RECATO; PUDICÍCIA. [ Antôn.: impudor, despudor.]

quinta-feira, 8 de outubro de 2009

Mais de 10,000 mil seres de outros planetas...



Neste pouco mais de um ano de existência de Meu Mundo Quadrado, pela primeira vez irei postar um texto que não são versos. E tem um motivo especial, é por que hoje este meu refugio esta completando a incrível marca de mais de 10,000 visitas, 461 seguidores, e 1053 comentários.
O que me deixa muito feliz!
Nunca imaginei que ao entra neste mundo virtual, iria construir tantos amigos, e receber tantos carinhos, queria muito poder dividir com cada pessoa que deu uma espiadinha em Meu Mundo Quadrado a felicidade que estou sentindo neste momento. Quero de coração agradecer a todos vocês, pelos carinhos e ensinamentos que me repassaram nestes quase dois anos de vida virtual. Em especial quero agradecer as pessoas que colocaram link do Meu Mundo Quadrado em seus Blogs, que me presentearam com selos, que fizeram menção de minhas poesias, e até quem transformou uma de minhas poesias em musica.Continuarei minha caminhada neste mundo virtual, só que agora com muito mais responsabilidade, por que descobri que não existe limite e nem distancia para a amizade e o carinho.


Aproveitando a oportunidade, gostaria de convidar a todos que gosta de poesias, para participar da nossa rede social Meu Mundo Quadrado, é só se cadastrar ai a direita antes dos seguidores...


Obrigadooooooooooo...



domingo, 4 de outubro de 2009

Medusa



Você é um anjo caído
Dona de um amor proibido
Forma viva da sedução
O libido da paixão

Fonte viva do pecado
O começo o fim e o lado
Sem você não sou inteiro
Metade dividida ao meio

Seus olhos são mortais
Os lábios cegamente carnais
Medusa de minha ereção
A batida descompassada do meu coração..


Saulo Prado

sexta-feira, 2 de outubro de 2009

Poço sem fundo


Esta dor pungente que esta em meu coração
Me afoga, em um poço de ilusão
Sinto uma vontade intensa de chorar
Pela minha incapacidade de te alcançar

Você esta tão distante, e brinca de ser amante
No começo também brinquei,
Com o fogo que me queimei
Não sei onde esta minha responsabilidade
Só sei que de mim se apossou a saudade

Agora mergulho neste poço sem fundo
Me afogando nas dores do mundo
Por um grande amor inconseqüente
Que se apossou, usou, e abusou
de duas vidas quase inocentes...


Saulo Prado

quinta-feira, 1 de outubro de 2009

Súplicas do sertão


Não sou mais um homem do sertão
Hoje vivo na cidade
Mas ainda trago no peito
Uma doce saudade

Saudade de uma noite escura
E de uma vida sem frescura
Onde só se fala uma linguagem
Que é ditada pela simplicidade

Quero anoitecer em volta de uma fogueira
E tocar viola sobre a luz das estrelas
Cantarolando coisas do sertão
E provando que a felicidade

Esta a onde mora o coração...


Saulo Prado

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

Me leve com você...

Create your own banner at mybannermaker.com!
Copy this code to your website to display this banner!

ME ENCONTRE TAMBÉM NO TWITTER! Basta um clik