quinta-feira, 7 de outubro de 2010

Restrita

Ela foi um sonho que passou
O desejo que não desabrochou
Ela foi o beijo da esperança
O pulsar do coração de uma criança

Ela foi o mel da pura flor
O pavio que acendeu o amor
Ela foi o fim de um sorriso
Também o começo que preciso

Ela passou e não disse adeus
E eu fiquei com os sonhos seus
Ela dominou todas as intenções
E explorou o fogo das paixões....


Saulo Prado

8 comentários:

Insana disse...

"Não é o mais forte que sobrevive, nem o mais inteligente, mas o que melhor se adapta às mudanças"
Charles Darwin


Bjs
Insana

Marcelle Silva disse...

Magnífico!

Insana disse...

"Não é o mais forte que sobrevive, nem o mais inteligente, mas o que melhor se adapta às mudanças"
Charles Darwin


Bjs
Insana

*Maluh Mah* Marinha Luiza disse...

nunca consigo comentar aqui... ¬¬"

*Maluh Mah* Marinha Luiza disse...

consegui!!!!!

...EU VOU GRITAR PRA TODO MUNDO OUVIR... disse...

Meu Poeta!

Lindo,doce e irremediável!

Há mesmo pessoas que passam por nós ,sequer nos percebem e nos marcam para sempre causando até poemas incríveis e significativos como este!

Meu carinho!

Sonia Regina.

Amelia disse...

muito lindo sem comentarios.uma boa tarde pra vc.

Mayra Di Manno disse...

Eu gosto dos seus versos tristes.
Tem algo que atrai, envolve, faz pensar e sentir.
Um beijo

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

Me leve com você...

Create your own banner at mybannermaker.com!
Copy this code to your website to display this banner!

ME ENCONTRE TAMBÉM NO TWITTER! Basta um clik