quarta-feira, 29 de junho de 2016

De novo no papel



Hoje eu estou escrevendo
Os versos deste meu mundo pequeno
Por muito tempo eu me calei
Desde que em seu amor me afoguei

Mas hoje ressurgiu a inspiração
Eu não sou mais vitima da solidão
Agora escrevo versos deste amor
Que do meu peito arrancou a dor

Antes as minhas poesias eram só de tristezas
Eu tentava arrancar da angustia alguma beleza
Mas agora eu posso escrever sobre a nossa felicidade

Pois você me salvou de uma antiga e triste saudade... 

Por Saulo Prado

Um comentário:

Alécio Souza disse...

Um novo amor pode nos salvar e devolver a nossa felicidade perdida.
Lindo poema meu amigo, fico feliz que tenha voltado a postar no seu blog.
Espero sua visita no meu blog!
Abs, Alécio

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

Me leve com você...

Create your own banner at mybannermaker.com!
Copy this code to your website to display this banner!

ME ENCONTRE TAMBÉM NO TWITTER! Basta um clik