domingo, 30 de outubro de 2011

Convite de Casamento

Depois de tantos excessos
Nosso amor louco e desconexo
Caminha para uma resolução
Iremos selar a nossa união

Depois de tantos reinícios
Partimos para o principio
O inicio de uma vida a dois
E a saudade deixada para depois

Depois  de tanto esperarmos
Esta semana iremos nos casarmos
Provando que nosso amor venceu
Os tropeços meus e os seus....
Saulo Prado

quinta-feira, 27 de outubro de 2011

O caminho é um só

Pode ser que seu caminho, seja o contrario do meu
Não importa a direção, todos os caminhos levam a Deus
Não adianta querermos fugi desta sólida verdade
O livro arbítrio é só para satisfazer nossa vaidade

Eu não sou seguidor, de nenhuma igreja
Mas tenho em mim a fé, como única certeza
Eu sei que não são os dogmas, que irão me salvar
O socorro só vem, para quem não tem medo de amar

Por isto me permita seguir a minha direção
Siga seu lado contrario e vá em paz com o seu coração
Quem sabe um dia, nossos destinos voltem a se cruzar
E depois de mortas todas as certezas, Jesus juntos iremos abraçar...

Saulo Prado

segunda-feira, 24 de outubro de 2011

Juras que hoje dói


Tanto silêncio em nosso barulho
Que até o claro parece estar escuro
Vivemos   uma   fantasia   a   dois
E deixamos a felicidade para depois

Não sei quando acabou o nosso amor
Só sei que esta rotina é um vale de dor
Nós nos escondemos em um juramento
Agoniados   por   tanto   sofrimento

Nem   brigar;   nos   não   brigamos
Deixamos a indiferença seguir  o seu plano
E  assim  vivemos  a  mentira  da  sociedade
De que um casal tem que ser, para a eternidade...
Saulo Prado

sábado, 22 de outubro de 2011

FEMINILIDADE QUE FALTA


Todo silêncio de sua voz
Grita um socorro atroz
Toda frieza de seus beijos
Matam os meus loucos desejos

Toda noite em sua companhia
Eu desprezo sua autonomia
Toda noite ela trás a solidão
Ao som da batida de seu coração

Todos os seus direitos de mulher
Não me dizem o que você quer
Porque toda esta sua independência
Trouxe para nossa relação a dor da carência...
Saulo Prado

“Por mais que o texto pareça machista, o romance não faz coro com os  farsista”

quinta-feira, 20 de outubro de 2011

Precisão


Eu preciso de um grande amor
Que venha de mansinho acalmar esta dor
Que me conte uma mentira chamada felicidade
E faça-me esquecer a verdade chamada saudade

Eu preciso de um pequeno carinho
Que me mostre um rumo, e abra um caminho
Pois eu me perdi nas curvas desta solidão
E hoje choro calado as dores do meu coração

Eu preciso de uma mulher com o dom da paixão
E que arranque de mim as chagas da ilusão
E é por precisar desta doce ajuda feminina
Que eu coloco em suas mãos esta minha triste sina...

Saulo Prado

quarta-feira, 19 de outubro de 2011

Vícios da paixão


Pelas ruas caminho sem direção
Totalmente perdido do se coração
Vou descalço para em pedras pisar
Sacrifício pequeno para quem quer amar

Vago sozinho o deserto da solidão
Carros e pessoas vultos da escuridão
Sigo a lua como se fosse um lobo no cio
Carregando dentro de mim este enorme vazio

Sou um louco em busca do seu ideal
A mulher que esta a cima do bem e do mal
Um êxtase no comando de seu viciado
Sentimentos que na veia foram injetados...

Saulo Prado

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

Me leve com você...

Create your own banner at mybannermaker.com!
Copy this code to your website to display this banner!

ME ENCONTRE TAMBÉM NO TWITTER! Basta um clik