domingo, 30 de março de 2008

REFLEXÃO


Imagine uma lagarta. Passa grande parte de sua vida no chão olhando os pássaros, indignada com seu destino e com sua forma. “Sou a mais desprezível das criaturas”, pensa. “Feia, repulsiva, condenada a rastejar pela terra”.

Um dia, entretanto, a natureza pede que faça um casulo. A lagarta se assusta, pois jamais fizera um casulo antes. Pensa que está construindo seu túmulo e prepara-se para morrer.

Embora indignada com a vida que levou até então reclama novamente com Deus. “Quando finalmente me acostumei, o Senhor me tira o pouco que tenho”.

Desesperada, tranca-se no casulo e aguarda o fim. Alguns dias depois, vê-se transformada numa linda borboleta. Pode passear pelos céus e ser admirada pelos homens. Surpreende-se com o sentido da vida e com os desígnios de Deus.

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

Me leve com você...

Create your own banner at mybannermaker.com!
Copy this code to your website to display this banner!

ME ENCONTRE TAMBÉM NO TWITTER! Basta um clik